Tagged in: Curiosidades

Aprenda em 30 segundo como salvar a vida de alguém [Vídeo]

Você seria capaz de salvar a vida de alguém se a situação exigisse isso? Para falar a verdade, apesar de muitos acreditarem que sim por ter visto o procedimento diversas vezes em filmes, a realidade pode ser bem diferente do que esperamos. E, para que a vida de uma pessoa não acabe se perdendo em vão, vale apena gastar alguns segundos do seu tempo para descobrir a forma correta de aplicar um salvamento, concorda?

O fato é que, diversas pessoas sofrem com problemas cardíacos, mesmo que não saibam sobre eles, e uma parada pode acabar acontecendo de forma inesperada. Apesar de esperarmos que isso nunca aconteça com a gente ou alguém a nossa volta, essa é uma possibilidade e o tempo é crucial nesse momento. Por isso, saber fazer uma reanimação cardiopulmonar (RCP) pode ajudar nesse momento – até que os paramédicos cheguem ao local. E, acredite ou não, saber fazer isso pode representar a diferença entre a vida e a morte de uma pessoa.

Porque fazer a reanimação cardiopulmonar é importante?

Como mencionamos anteriormente, saber fazer uma reanimação cardiopulmonar pode ser a diferença entre a vida e a morte de uma pessoa. E, caso você ainda não acredite nisso, esses fatos podem fazer com que você mude de ideia sobre isso. Afinal, as chances de uma pessoa sobreviver sem uma RCP, depois de ter uma parada cardíaca, diminuem em 10% a cada minuto. Isso porque, em apenas 5 minutos, as células cerebrais de uma pessoa começam a morrer. E, depois de 10 minutos, ela já tem pouquíssimas chances de sobreviver.

Além disso, sentar e apenas esperar por ajuda nunca é uma boa opção. E, por mais que a reanimação cardiopulmonar seja frequentemente mostrada juntamente com a respiração boca a boca, essa técnica já não é mais tão indicada em casos como esse. Fazendo com que apenas a RCP já seja o bastante. Por isso, iremos te mostrar os 3 passos que devem ser seguidos em um momento de emergência como esse!

Os 3 passos para salvar uma vida

CPR – How to administer hands-only CPR on an adult (without AED) from Mobilize Rescue Systems on Vimeo.

Primeiro passo: Verifique se a pessoa está respondendo ou tendo algum tipo de reação. Se ela não estiver reagindo e não demostrar estar respirando ou ofegando por ar então o caso é sério e precisa ser tratado com emergência.

Segundo passo: Ligue para o SAMU – 192

Terceiro passo: Comece as compressões. Para isso a pessoa deve estar deitada com a barriga para cima e você deve se ajoelhar ao lado dela. Em seguida, coloque sua mão aberta no centro do peito da pessoa e entrelace os dedos da outra mão com as da que está em baixo – como mostra o vídeo. E, por fim, faça 2 compressões por segundo de forma que o peito seja empurrado apenas 2 centímetros para dentro, lembrando que elas devem ser feitas com o carpo da mão – a parte de baixo da palma.

Esses passos simples podem salvar vidas e, por isso, merecem a sua atenção. Espalhem essa técnica simples e ajudem ainda mais pessoas!

Essa matéria Aprenda em 30 segundo como salvar a vida de alguém [Vídeo] foi criada pelo site Fatos Desconhecidos. E somente copiada por esse portal.

7 hacks utilizando o secador de cabelo que você provavelmente não sabia

O secador é realmente capaz de salvar vidas! Sim, vidas… Não apenas nossos cabelos. É claro, provavelmente enfrentaríamos um monte de problemas extras com nossos cabelos se tal aparelho não existisse. No entanto, costumamos ter aquela ideia errada de que o secador é um item exclusivamente destinado aos nossos fios. Acredite, ele vai muito além disso!

Tanto o ar quente quanto o ar frio do aparelho podem ser utilizados para diversas finalidades. Basta usar um pouquinho de sua imaginação e pronto, você pode acabar encontrando a solução para seu problema. Por exemplo, sabe aquele sapato que você comprou e ficou apertado? Até nisso o secador pode ajudar. Para te dar um ajudinha, nós aqui da Fatos Desconhecidos separamos abaixo 7 hacks utilizando o secador de cabelo que você provavelmente não sabia. Confere aí!

1 – Quer deixar seu sapato mais confortável?

Você já deve ter ganhado um sapato de presente, mas que acabou ficando um pouquinho apertado. É normal que com o tempo de uso o calçado se adapte ao seu pé, mas até lá, você pode sofrer com alguns calos. Para evitar que isso aconteça e acelerar o processo, você pode simplesmente aquecer meias com jato de ar quente de seu secador, calçá-las e em seguida calçar também o sapato que está um pouco apertado. Assim, ele acaba se adaptando de forma bem mais rápida aos seus pés.

2 – Secar as unhas

E essa dica vai para as mulheres. Sabe quando você faz as unhas na correria e acaba estragando tudo porque não deu tempo de secar? Pois é, uma boa solução é usar o secador com o jato frio e na velocidade mais baixa. Aproxime-o de suas unhas (mas não muito) e espere de 2 a 4 minutos. Já será o suficiente para avançar o processo de secagem, mas é bom ainda ter um pouquinho de cuidado.

3 – Preguiça de usar o ferro de passar?

Convenhamos, passar roupa não é uma tarefa muito agradável. No entanto, você não precisa ficar com suas roupas amassadas só porque te deu preguiça de passá-las. A dica é o seguinte, coloque a roupa em um cabide e a pendure em algum lugar (no caso de blusas, por exemplo). Em seguida, borrife um pouco de água sobre a peça e passe o secador… O ar quente resolve o problema rapidinho. O princípio é basicamente o mesmo de um ferro de passar, mas dessa forma pode até mais eficiente.

4 – Sujou a roupa?

E aqui vamos seguir a mesma ideia do item anterior. Sabe quando você tá comendo algo e, sem querer, suja sua roupa? É nessa hora que bate o desespero, principalmente se você está longe de casa. Mas não entre em pânico! Para resolver o problema, basta passar água ou mesmo lavar a região afetada, e em seguida usar o secador. Se você não tiver um por perto, pode ser que alguma amiga tenha.

5 – Descongelar alimentos

É claro, existem formas mais naturais para descongelar os alimentos. No entanto, quando precisamos fazer isso de forma rápida e nos falta um microondas, o secador pode ser uma boa alternativa. Dependendo do alimento, dentro de 4 a 5 minutos você já obterá bons resultados.

6 – Remover manchas em mobília de madeira

Sabe quando você coloca um copo com algo quente sobre uma mesa de madeira e ela fica com aquela mancha branca? As pessoas tem o costume de acreditar que não há como reparar isso, mas o secador pode ser uma boa alternativa. No fim das contas, a mancha nada mais é do que umidade presa no acabamento. O ar quente ajuda a resolver o problema.

7 – Soltar parafusos apertados

Quando aquecido, o metal fica bem mais fácil de ser manipulado. Dessa forma, se você está sofrendo com um parafuso que não quer se soltar por nada, pode ser que aquecê-lo com a ajuda do secador resolva a situação. Mas cuidado, não toque nele após fazer isso. Remova-o com a ajuda de alguma ferramenta, ou você poderá se queimar.

E então pessoal, o que acharam? Compartilhem suas ideias com a gente aí pelos comentários!

Essa matéria 7 hacks utilizando o secador de cabelo que você provavelmente não sabia foi criada pelo site Fatos Desconhecidos. E somente copiada por esse portal.

A batalha de um orangotango contra uma escavadeira que destruía a floresta

Cenas de um orangotango tentando salvar seu habitat na Indonésia, e a si mesmo da destruição de uma escavadeira, viralizou na internet recentemente. No vídeo, o primata desesperado tenta impedir o trator de continuar avançando e destruindo a floresta. Então, ele se equilibra em um tronco para se aproximar do motorista do veículo, como se o pedisse para parar o que ele está fazendo.

No entanto, enquanto tenta enfrentar a máquina, o animal cai no chão. As imagens foram gravadas em 2013, e só foram disponibilizadas pela organização International Animal Rescue (IAR) na última terça-feira, 05, em seu perfil oficial no Facebook. “Este orangotango desesperado busca freneticamente um refúgio ante o poder destrutivo da escavadeira, uma máquina que dizimou tudo o que o rodeia”, afirma a organização na rede social.

A destruição das florestas

O orangotango, segundo a organização, foi resgatado com vida. Porém, eles fazem um alerta para a destruição das florestas no país que tem feito milhares de espécies morrerem todos os anos. A derrubada das árvores é principalmente motivada pela produção do óleo de palma. A população de orangotangos diminuíram cerca de 50% nos últimos 50 anos e, atualmente, seu habitat já é 55% menor.

“Infelizmente, cenas como essa são cada vez mais frequentes na Indonésia. O desmatamento fez com que a população de orangotangos despencasse. Os habitats são destruídos e os orangotangos morrem de fome”, acrescenta a IAR. Os animais resgatados pela IAR são levados para áreas de proteção.

Além de cuidar dos bebês primatas que são separados de suas mamães, que podem facilmente se tornarem alvos do mercado ilegal de vendas de animais. O vídeo foi divulgado como uma ação por parte da organização para o Dia Mundial do Meio Ambiente e ele já foi reproduzido mais de 160 mil vezes. Junto das imagens, uma mensagem de alerta foi espalhada na rede social: “Plante uma árvore e ajude-nos a reconstruir e proteger o precioso habitat dos orangotangos”.

Então pessoal, o que acharam da matéria? Deixem nos comentários a sua opinião e não esqueçam de compartilhar com os amigos.

Essa matéria A batalha de um orangotango contra uma escavadeira que destruía a floresta foi criada pelo site Fatos Desconhecidos. E somente copiada por esse portal.

7 terríveis verdades sobre o exorcismo

Um exorcismo consiste em uma cerimonia religiosa que tem por finalidade expulsar demônios do corpo de alguém, ou de algum lugar. O ritual é realizado por uma pessoa devidamente autorizada, por intermédio de orações e rezas. A prática é bastante antiga, e relatos bíblicos dão créditos a Jesus como um dos primeiros exorcistas da história.

Falando nisso, aqui na Fatos Desconhecidos já escrevemos para vocês sobre o tema como os 7 fatos aterrorizantes sobre exorcismos na vida real e sobre os 10 melhores filmes de terror sobre exorcismo. Hoje, listamos para vocês algumas verdades que estão escondidas por trás do ritual e que torna tudo mais cruel. Confira!

1 – A legião dos demônios

De acordo com o professor Greg Carey, o nome Legião, um grupo de demônios que possuem um homem e são expulsos por Jesus, também serve como referência ao exército romano. Os soldados romanos saquearam Jerusalém na época que o evangelho foi escrito. Metaforicamente a Legião de demônios representam as tropas romanas (os 2 mil porcos conduzidos para o mar). Antigas imagens judaicas ligavam o mar a invasores romanos.

2 – Quando estiver na Romênia, faça como os romanos fizeram

A psiquiatra e filósofa, Neel Burton, observou que durante muitas eras a humanidade associou as doenças mentais com demônios e espíritos maléficos. No entanto, se você observa uma condição como a esquizofrenia, é bem possível que você passe a entender o porque. Alucinações, delírios, pensamentos nocivos e caóticos, padrões e agitação pode ser alguns dos sinais e sintomas da doença.

Em 2005, um padre na Romênia presumiu que uma freira, chamada Maricica Cornici estava possuída e então resolveu exorcizá-la depois de Cornici se negar a ingerir água benta. A freira foi amarrada em uma cruz de madeira e amordaçada. No dia 15 de junho daquele ano, Cornici veio a óbito. Os legistas afirmaram que a morte da freira foi provocada por insuficiência aguda cardio-respiratória, asfixia mecânica, traumas e desidratação. E, tudo isso associado a um ataque de esquizofrenia.

3 – Seria melhor ouvir a voz do bom senso

A homossexualidade em muitos lugares do mundo, até mesmo nos dias atuais, é considerada como uma doença mental e um ato pecaminoso.Por isso, para muitas pessoas e líderes religiosos, passível de exorcismo. Nos anos 50 e 60, técnicas de eletrochoques e drogas pesadas eram administradas em pacientes gays por psiquiatras e outros profissionais, enquanto fotos de homens nus eram mostradas. Uma espécie de exorcismo moderno.

Conforme o tempo foi passando, essas técnicas foram abandonadas em muitos lugares no mundo. No entanto, na Chechênia uma jovem lésbica teria sido obrigada por seus familiares a passar por um exorcismo, ou ela poderia ser trancada em um hospital psiquiátrico para sempre. A garota passou pelo procedimento que levou duas horas de orações e cânticos para expulsar seus demônios gays. Logo após a cerimônia, ela teria fingido que estava curada até que pudesse fugir.

4 – Nenhuma simpatia para com os que sofrem

Uma aldeã nicaraguense, Vilma Trujillo, em 2017, passou a ter alucinações, ouvir vozes, e a chorar de forma histérica com frequência. Sua família então procurou um pastor, Juan Rocha, que decidiu que o melhor a ser feito por Vilma era exorcizá-la. Uma vez que a mulher estaria possessa. Trujillo foi levada para uma cabana onde foi amarrada, sofreu lesões por todo seu corpo e ficou sem comer por vários dias.

Segundo o pastor, ele recebeu ordens de Deus para combater o mal com fogo. Trujillo então foi amarrada a uma árvore, ao lado de uma pira, que queimou por cerca de cinco horas. A mulher então não suportando a tortura morreu. Rocha, teria dito a seus parentes para eles não sentirem pena ou amor por Vilma, pois ela era o diabo. O pastor foi então condenado a 30 anos de prisão.

5 – Exorcizando sua própria humanidade

Em 2015, em um hotel em Frankfurt, na Alemanha, onde uma família sul-coreana se hospedou, alegando que sua casa alugada em Sulzbach fosse assombrada, uma tragédia aconteceu. Uma mulher de cerca de 41 anos, estava se comportando estranhamente. Estava agressiva e começou a se autoflagelar.

Seus parentes, incluindo seu filho, começaram a golpeá-la, na tentativa de expulsar os espíritos demoníacos que eles acreditavam estar usando a mulher. A mulher apanhou por pelo menos duas horas, e veio a óbito logo depois. E, aparentemente, a violência era regularmente empregada para supostamente “combater os demônios”.

6 – O que Jesús fez

Em 2012, o padre exorcista oficial da cidade de Valladolid, na Espanha, Jesús Hernández Sahagún, a pedido da família, tentou “ajudar” uma adolescente que sofria de anorexia. Seus familiares acreditavam que a menina sofria com assédio de espíritos obsessores. A garota já recebia acompanhamento médico, mas a família resolveu considerar um tratamento espiritual em conjunto.

Cerca de 13 tipos de exorcismos foram realizados. A adolescente foi amarrada e cruzes foram penduradas sobre sua cabeça. Mais tarde, a menina teria tentado suicídio devido aos traumas dos rituais. Em 2015, o padre foi preso por violência de gênero, e os ferimentos e maus tratos a adolescente.

7 – As crenças que estigmatizam

Segundo o neurocientista, Beau Lotto, nossos cérebros evoluíram para ver sentindo em tudo. Dessa forma, eles nos protegem de riscos e incertezas. No entanto, as incertezas e o medo do desconhecido, muitas vezes, nos levam a acreditar e a depositar nossa fé em ideais que podem ser bem perigosos. “Isso influencia as crenças de que alguém é responsável por uma mudança ou negatividade que esteja acontecendo”, disse Martin Dawes, porta-voz da UNICEF.

Isso ajuda a explicar o sofrimento de mulheres e crianças acusadas de bruxarias na Nigéria. Ainda segundo a UNICEF, cerca de 20 mil crianças acusadas de bruxaria na capital da República Democrática do Congo, Kinshasa, estavam vivendo em situação de rua. Essas mesmas crianças são as provas reais que o extremismo pode ser muito perigoso.

Então pessoal, o que acharam da matéria? Deixem nos comentários a sua opinião e não esqueçam de compartilhar com os amigos.

Essa matéria 7 terríveis verdades sobre o exorcismo foi criada pelo site Fatos Desconhecidos. E somente copiada por esse portal.

7 coisas surpreendentes que pertencem a Rainha Elizabeth II

O Reino Unido ainda conta com um governo adepto à monarquia. A atual rainha é Elizabeth II. Nascida no dia 21 de abril de 1926, ela é rainha do Reino Unido e outros quinze estados independentes conhecidos como Reinos da Comunidade de Nações. Ela ascendeu ao trono no dia 6 de fevereiro de 1952 e permanece lá até hoje. Sua história destaca-se por sua criação e educação em casa. Seu pai, Jorge VI, ascendeu ao trono em 1936 após a abdicação do irmão Eduardo VIII. A rainha tem quatro filhos (Charles, Anne, Andrew e Edward). Devido a sua grande relevância para o mundo, ela foi homenageada no dia 9 de junho de 2018 como parte do Trooping the Colour.

Esse foi um evento que marcou o aniversário oficial do soberano britânico reinante por 270 anos. O aniversário dela também é comemorado como tal. Comemorar o aniversário duas vezes tem muitas vantagens, principalmente na parte dos presentes. Pensando nisso, nós da Fatos Desconhecidos resolvemos listar algumas das coisas surpreendentes que a rainha possui. Aproveite para compartilhar com seus amigos e, sem mais delongas, confira conosco e surpreenda-se.

1 – Cisnes

Acredite ou não, mas a Rainha Elizabeth II é tecnicamente proprietária de todos os cisnes mudos em águas livres na Inglaterra e País de Gales. Há como saber quantos cisnes ela possui, visto que eles são contados todos os anos. Isso acontece durante um evento que dura cinco dias e é conhecido como Swan Upping. Esse ano ele acontecerá entre 16 e 20 de julho.

2 – Golfinhos

A rainha tem o direito sobre todos os golfinhos do seu país. A lei de que o rei é dono desses animais surgiu em 1324 durante o reinado de Edward II. Os golfinhos e botos capturados no reino ou até 5km dele pertencem a ela.

3 – As Ruas de Londres

Localizado no coração do West End de Londres, a Regent Street é uma das ruas mais famosas do mundo. Ela mede cerca de 1.25 milhas e atrai mais de 7,5 milhões de visitantes por ano. Esse lugar também pertence a rainha.

4 – Seis Residências Reais

Ela pode chamar seis lugares de lar. O principal é o Palácio de Buckingham com seus 775 quartos. No entanto, entre suas propriedades luxuosas, estão: Castelo de Windsor, Hylyrood Palace, Hillsborough Castle, Sandrigham e o Castelo Balmoral, que é a propriedade de verão e sua preferida.

5 – Bolsas

Raramente vemos a rainha com uma bolsa repetida nas mãos. Isso porque ela possui mais de 200 desses acessórios. Ela não usa qualquer uma e prefere as feitas pelo estilista londrino Launer. Seus modelos favoritos são o Royale e Traviata.

6 – A Torre de Londres

A Fortaleza da Torre de Londres é uma das suas posses. O local foi construído no século 11 e desempenhou um grande papel na história real. Além do mais, serve de atração turística até hoje. Tudo no local pertence a ela, incluindo joias da Coroa e o famoso rebanho de corvos da Torre.

7 – Blocos de Rascunho da Rainha Victoria

Além das grandes obras de arte, alguns artefatos pessoais dos seus antepassados lhe pertencem. Entre os mais interessantes está o bloco de rascunhos da Rainha Victoria, sua tataravó.

E aí, o que você achou dessa lista? Comenta pra gente aí embaixo e compartilhe com seus amigos.

Essa matéria 7 coisas surpreendentes que pertencem a Rainha Elizabeth II foi criada pelo site Fatos Desconhecidos. E somente copiada por esse portal.

7 dicas milagrosas para você gastar menos dados no seu celular

Atualmente, para muitas pessoas ficar sem internet representa simplesmente o fim. Sem ela, não é possível usar as redes sociais e ficamos praticamente incomunicáveis. Quando temos à disposição uma rede Wi-Fi por exemplo, não há problema nenhum e acabamos perdendo horas na frente do computador ou do celular. Mas o que acontece quando estamos usando apenas nossos dados móveis?

Infelizmente, as operadoras adotaram um sistema de cancelamento de internet, enquanto antigamente, apenas reduziam a velocidade. Embora o sistema ainda exista em alguns planos, parece um pesadelo ler a seguinte mensagem: “Você utilizou 100% do seu pacote de dados”. A partir daí, você até pode contratar um pacote reduzido, mas também significa gastar mais dinheiro.

Pensando nisso, já percebeu como as vezes nossa franquia de dados excede de forma muito rápida? Você praticamente não fez nada que utilizasse internet mas mesmo assim, ela já foi embora. Pode ser que a culpa por isso não seja sua e nem de sua operadora, mas sim do próprio aparelho que possui algumas configurações que consomem seus dados mesmo quando você não está usando.

Para te ajudar a resolver o problema, nós aqui da Fatos Desconhecidos separamos abaixo 7 dicas milagrosas para você gastar menos dados no seu celular. Acredite, pode te ajudar bastante! Confere aí!

1 – Não deixe aplicativos rodando em segundo plano

Quantos aplicativos você tem abertos em segundo plano neste momento? É normal que as pessoas simplesmente se esqueçam que eles estão ali, e acredite, muitos dos que consomem dados, continuam utilizando sua internet mesmo que você não esteja os utilizando. Então, o ideal é sempre fazer uma limpeza, deixando em segundo plano apenas os que você realmente precisa, se for o caso.

2 – Desative os aplicativos que utilizam muitos dados

Existem alguns aplicativos que consomem mais dados do que outros, não importando a frequência com que você os utiliza. Dessa forma, é possível visualizar aqueles que mais consomem a partir das configurações de seu aparelho e desativar os aplicativos que você quiser.

3 – Desative as atualizações de aplicativos

Além das atualizações em segundo plano, ainda existem aquelas que iniciam sem pedir sua permissão. O download começa automaticamente, independente de você estar conectado a uma rede Wi-Fi ou não, e bem sabemos que um simples arquivo baixado já é capaz de consumir boa quantidade de nossos dados.

4 – Se não estiver usando o Wi-Fi, desligue o iCloud

Como exclusividade para o iPhone, o iCloud está sempre movendo documentos e fazendo backups enquanto está ativado. Dessa forma, caso você não esteja usando uma rede Wi-Fi, o melhor é que o desabilite. Para isso, basta ir até as configurações, procurar pelo iCloud e o desligar.

5 – Limite o uso de dados para o Android

Sabe quando você simplesmente recebe aquela mensagem informando que você excedeu o limite de seus dados? Pois bem, isso pode ser evitado. No Android, você pode ser avisado quando seu limite estiver perto do fim e mais… Pode limitar o uso de dados que seu celular poderá utilizar. Para isso, basta ir em configurações > uso de dados > limite de dados móveis. Então, basta determinar o número de sua escolha.

6 – Faça uso do modo avião

Apenas se lembre de algo muito importante: se você não vai precisar, ou não vai poder usar seu celular, ele não precisaficar com os dados móveis ligados. Por exemplo, se for entrar em uma importante reunião, ou se for dormir, simplesmente coloque o aparelho em modo avião. Caso ainda precise receber ligações ou coisas do tipo, ainda há a opção de desabilitar os dados.

7 – Desative a assistência Wi-Fi

Para o iOS, a função serve para dar assistência quando sua rede Wi-Fi não está funcionando normalmente. Ou seja, ela apenas tem a função de continuar usando seus dados mesmo quando não é tão necessário assim. Para evitar que isso aconteça, vá até ajustes> celular >assistência Wi-Fi e desabilite.

E então pessoal, o que acharam? Será que agora fica mais fácil de economizar a internet? Compartilhem suas ideias com a gente aí pelos comentários!

Essa matéria 7 dicas milagrosas para você gastar menos dados no seu celular foi criada pelo site Fatos Desconhecidos. E somente copiada por esse portal.

É por isso que você nunca deve matar uma aranha dentro da sua casa

A maioria das pessoas tem aversão à aranhas, por isso acaba sendo comum fazer o possível para matá-las no momento em que vemos alguma. E, caso você também tenha medo desse tipo de animal, talvez seja bom saber que, assim como muitos outros, você pode ter aracnofobia. O que acaba fazendo com que você simplesmente não consiga sobreviver no mesmo lugar que esse pequeno ser vivo.

O problema é que, por mais difícil que isso possa ser para algumas pessoas, se não para todas elas, você deve evitar matar as aranhas que vez ou outra acaba encontrando em sua casa. Isso porque, apesar dos seres humanos ignorarem isso na maior parte do tempo, o ambiente em que vivemos não é exclusivamente nosso. Ou seja, outras espécies acabam vivendo sobre o mesmo teto que nós e elas contribuem significativamente para o nosso ecossistema. E, acredite ou não, as aranhas não estão esclusas desse fator.

A importância das aranhas

Como mencionamos, as aranhas são extremamente importantes para o ecossistema e, por isso, não devem ser mortas. Afinal, a maioria delas permanece escondida e não oferece risco para as pessoas. Sem falar que elas podem afastar outras pragas da sua residência. E, para entender melhor como vivem as aranhas dentro das casas, um estudo acabou sendo realizado e contou com a análise de 50 residências da Carolina do Norte. Permitindo que os pesquisadores percebessem aquelas que eram mais comuns, sendo estas as Theridiidae e as Pholcidae.

No geral, essas duas espécies constroem suas teias em um local que possam aguardar de forma segura até que a sua presa apareça. E, além de ajudarem no combate de pagas, algumas até podem acabar com transmissores de doenças, como os mosquitos. Ou seja, se levarmos isso em consideração, é melhor té-las como companheiras em sua casa. Já que, apesar de existirem algumas venenosas por aí, as espécies que costumam habitar casas não carregam esse fator com elas e são mais benéficas do que prejudiciais. Para falar a verdade, a maioria delas tenta evitar os seres humanos já que somos aparentemente mais ofensivos do que elas, sem falar que mordidas desse animal são realmente raras.

Agora, caso você ache impossível fazer algo assim e conviver no mesmo ambiente que uma aranha, assistir as animações do ‘Lucas a Aranha‘ podem ser um bom exercício para te comover. E, se isso não adiantar, que tal tentar pelo menos não matá-las. Coloque-as em um pote e depois a levem para o lado de fora, que tal?

Essa matéria É por isso que você nunca deve matar uma aranha dentro da sua casa foi criada pelo site Fatos Desconhecidos. E somente copiada por esse portal.