Giovanna Antonelli diz que não não vê problema no elenco majoritariamente branco: “a graça é fazer o que a gente não é”

TV Foco

Luzia (Giovanna Antonelli) em Segundo Sol (Foto: Globo/João Miguel Júnior)
Luzia (Giovanna Antonelli) em Segundo Sol
(Foto: Globo/João Miguel Júnior)

Giovanna Antonelli, a protagonista Luzia, voltou a rebater as críticas dos telespectadores e da imprensa pela falta de atores negros na novela Segundo Sol, trama de João Emanuel Carneiro que tem toda a história contada na Bahia e chama a atenção por ter em sua maioria atores brancos no elenco.

+Após fim de O Outro Lado, namorado de Sasha choca com novo visual e aparece de cabelo comprido

Ela opinou, em entrevista ao TV Fama, que não vê problema no elenco majoritariamente branco. “Acho que a graça da profissão é a gente fazer o que a gente não é. Hoje, ali, vivendo na Bahia, fazendo um personagem baiano, todos os que estão participando se sentiram tão baianos quanto um baiano e os admirando profundamente”, afirmou a atriz.

“Eu, como artista, ficaria muito triste de um dia não poder interpretar uma índia, por exemplo, porque eu não sou uma e não posso me caracterizar para aquilo”, prosseguiu.

Em recente entrevista ao Uol, Giovanna também saiu em defesa da trama.

“Acho que tudo o que te dá voz tem que ser escutado e, ao mesmo tempo, acho que a gente está contando uma história que foi escrita dessa forma”, disse ela, que forma a trinca de protagonistas ao lado de Emilio Dantas (Beto Falcão/Miguel) e Deborah Secco (Karola).

Giovanna ainda citou o ator Luís Melo, que interpretou um japonês – sem ser e se parecer com um – na novela das seis Sol Nascente. “Ficou um barato, ele fez uma composição, não só da caracterização que fizeram nele, mas ele, como ator, teve uma dimensão de ir para um lugar que jamais imaginou. Ele virou japonês”, defendeu a atriz.

MORTE VAI TUMULTUAR PRIMEIRA SEMANA DE SEGUNDO SOL

A primeira semana da novela Segundo Sol vai ser bem eletrizante. O primeiro capítulo mostrou a falsa morte do protagonista Beto Falcão (Emilio Dantas) e o início do romance dele com Luzia (Giovanna Antonelli), mas como tudo que é bom dura pouco a vida amorosa dos pombinhos já começou a se desfazer.

Abertura de Segundo Sol é elogiada; assista em primeira mão

A chegada de Karola (Deborah Secco) tumultua a relação do casal, que acaba se separando. O clima pesa ainda mais quando o ex-marido da dona de casa retorna e ela entra em desespero quando o homem começa a se embriagar.

Nos próximos capítulos, Edilei (Paulo Borges), pai de Ícaro (Thales Miranda) e Manuela (Rafaela Brasil), deixa a cadeia após pagamento de Laureta (Adriana Esteves) e inferniza a vida da ex-mulher.

Ele tentará matar Beto, que agora usa o pseudônimo de Miguel, com uma paulada na cabeça. O cantor ficará apenas desmaiado, mas vai acabar deixando Luzia desesperada e ela acabará empurrando o ex-companheiro, que se desequilibra, cai e morre.

Giovanna Antonelli diz que não não vê problema no elenco majoritariamente branco: “a graça é fazer o que a gente não é”