Documentário sobre a vida de Whitney Houston revela possível bissexualidade da cantora

Segundo informações do site americano People, o documentário sobre a vida de Whitney Houston revelou, através de depoimentos de pessoas próximas, que a cantora mantinha um relacionamento  bissexual com sua amiga e assistente Robyn Crawford.

Exibido nos Estados Unidos pela primeira vez ontem (26), o documentário intitulado de “Whitney: Cán I Be Me” contou com imagens de bastidores e depoimentos, como o de Ellin Lavar, estilista e amigo de Whitney que falou sobre o relacionamento entre a diva e sua assistente.

“Eu não acho que ela era lésbica, mas acho que era bissexual. Robyn deixava Whitney em segurança, e era lá que ela encontrava consolo.”

Segundo os relatos, Bobby Brown (ex-marido de Houston) mantinha um relacionamento conturbado com Crowford. Após a assistente ser afastada, a intérprete de “I Have Nothing” nunca mais teria sido a mesma. Kevin Ammons, ex-funcionário da segurança, também falou sobre o relacionamento do trio.

“Robyn e Whitney eram como gêmeas. Elas eram inseparáveis. Elas tinham um vínculo e Bobby Brown nunca poderia expulsar Robyn. Ele queria ser o homem no relacionamento.”

Reconhecida internacionalmente como uma das maiores artistas de todos os tempos, Whitney Houston faleceu há 5 anos. Seu último álbum de estúdio foi lançado em 2009, intitulado “I Look At You“.

O post Documentário sobre a vida de Whitney Houston revela possível bissexualidade da cantora apareceu primeiro em Portal Famosos Brasil.